Newsletter

Newsletter da AAM

Escolha uma das edições actuais da newsletter na navegação à direita. Para subscrever a nossa newsletter e ficar a par das actualidades e novos conteúdos no blogue da Associação Amigos de Monserrate, deixe o seu e-mail na caixa "newsletter", também à direita.

Newsletters históricas

Primeiro editorial

Esta primeira newsletter, da nova geração do “site” que acaba de lançar-se, pretende fazer reviver o passado, prestar homenagem a todos aqueles que, ligando vontades, lançaram e souberam manter viva a Associação de Amigos de Monserrate. Fomos sempre unidos por amor a uma causa, a um jardim, a um palácio, a um sítio de inigualável beleza dotado de um passado romântico e exótico, profundamente atractivo mas que exigia e exige a nossa melhor atenção e empenho.

O novo site revela o trabalho feito por todos. Aí vão encontrar, para além dos projectos futuros, o que foi o nosso passado e também a história do Palácio, do Jardim, dos arquitectos, dos homens e mulheres que, ao longo dos anos, deixaram a sua marca em Monserrate. Uma palavra em especial para os jardineiros do Parque, para todos os que o sonharam e pensaram mas também para os apoiantes e amigos do princípio da A.A.M., o Paulo Marques, a Emma Gilbert, o Gerald Luckhurst, o Prof. Fernando Catarino, o Luís Santos Ferro, o João Sande Freitas e tantos outros, cuja generosidade, confiança, trabalho e olhar atento tornaram possível este novo passo.

Adoro ir a Monserrate, sentir a natureza, o isolamento e a beleza deste jardim que, para mim, é o exemplo perfeito da globalização. É fascinante a convivência, em harmonia, de plantas, arvores e flores das mais diversas proveniências. Vamos do Jardim do México com cactos e palmeiras ao Vale dos Fetos; do Jardim Japonês com camélias, azáleas e rododendros ao Vale das Rosas e atravessamos o relvado até chegar ao palácio. Encontramos pinhas exóticas enormes e pinhas iguais às de todos outros pinhais portugueses. Vemos cogumelos escondidos e árvores senhoriais como a araucária, com nomes próprios que se impõem a todas as outras. Descobrimos cascatas, recantos românticos, locais quase sagrados, vistas misteriosas, teatrais e horizontes até ao mar.

Mas para perceber Monserrate não basta saber que a propriedade abrange aproximadamente 124 hectares a que correspondem 82 hectares de tapada, 26 de mata e 15 hectares de jardins. Não basta saber que o Palácio é vitoriano com influências góticas, indianas e mouriscas. Temos de lá ir e parar, deixar que o ambiente nos envolva, para sentir o cheiro, a beleza, a brisa e o equilíbrio de um lugar único que é capaz de dar forma a todos os nosso sonhos e imaginários de infância, assim como ao nosso desejo adulto de natureza. 

Convido-vos a todos, amigos e ainda não amigos, a visitar e desfrutar de Monserrate. Precisamos do apoio de todos e queremos partilhar e divulgar a “magia” deste local. Convido-vos também a subscrever a nova newsletter electrónica que, com uma periodicidade que se quer trimestral, fornecerá informações sobre a actividade da AAM, dará o ponto de vista de todos os interessados, trará artigos sobre a história de Monserrate, respondendo assim à nossa preocupação de continuar os trabalhos de investigação e fornecerá ainda notícias, dicas e curiosidades várias. Pretendemos que seja uma newsletter bilingue, com contribuições em português e em inglês.